Chamada para submissão de Trabalhos Orientações e Normas

O XIV Encontro Nacional de História da Mídia (ISSN: 21756945), a ser realizado de 2 a 4 de agosto, na Universidade Federal Fluminense (UFF), prorroga o prazo para as submissões de propostas de trabalhos, no formato Artigo Completo, até 19 de maio de 2023.

O tema geral do evento é “Democracia, História e Anistias nas Memórias das Mídias”, mas são aceitos trabalhos que abordem quaisquer questões de pesquisa com aderência aos GTs da Alcar.

Os aceites serão divulgados, no máximo, até dia 18 de junho de 2023.

Os artigos Aceitos e Apresentados serão publicados nos anais do XIV Encontro Nacional de História da Mídia, no site da Alcar

Para garantir a apresentação no evento e a publicação nos anais, autores/as e coautores/as com Artigos Aceitos devem efetuar e confirmar o pagamento das inscrições até dia 03 de julho de 2023.

Normas

Quem pode submeter trabalho:

São aceitas propostas de professores/as e pesquisadores/as (graduados/as, mestres ou doutores/as) e estudantes de pós-graduação (cursando especialização, mestrandos/as e doutorandos/as).

Profissionais ou empresários/as que atuaram como testemunhas oculares da história da mídia também são convidados/as a enviar trabalhos.

Estudantes de graduação só podem submeter artigos obrigatoriamente em coautoria com seus professores/pesquisadores orientadores. Para concorrer ao Prêmio José Marques de Melo, destinado exclusivamente a autores/as da graduação, o/a estudante deve assinar o artigo como autor/a principal e registrar sua candidatura na primeira nota de rodapé do trabalho, onde também se indica o GT – Grupo Temático de submissão. É obrigatório o trabalho ser apresentado no evento pelo/a estudante concorrente. Ler atentamente sobre o Prêmio JMM e os seus critérios para inscrição ao final desta chamada.

É possível enviar uma (01) proposta como autor/a principal e mais duas (02) como coautor/a. Os trabalhos devem ter o número máximo de cinco (05) autores/as (autor/a principal + coautores/as).

Normas gerais para elaborar e como enviar a proposta de artigo

A proposta de Artigo Completo deve ser enviada ao e-mail do GT escolhido para submissão, conforme aderência do trabalho à ementa, com cópia à diretoria científica da Alcar e coordenação científica nacional do evento. Consulte a lista dos GTs (Grupos Temáticos), suas coordenações e ementas.  

A proposta de Artigo completo deve ser enviada em duas versões, em Word .doc e também em PDF, obrigatoriamente no arquivo do modelo/template, e conter:

• Título: em negrito, fonte Times New Roman, 14, centralizado. Incluir nota de rodapé informando em qual GT o trabalho será apresentado e, se for o caso, indicar que é concorrente ao Prêmio José Marques de Melo, exclusivo para estudantes de graduação.

• Autor(es): último sobrenome em maiúsculas, titulação ou graduação, identificação da instituição à qual pertence e unidade da Federação – em Times New Roman, 12, centralizado, duas linhas após o título. Incluir nota de rodapé com breve currículo/minibio do(a) autor(a) e endereço eletrônico.

• Resumo simples: em um único parágrafo, com no mínimo cinco (05) e no máximo dez (10) linhas, deve ser formatado em fonte Times New Roman, corpo 12, justificado, espaçamento simples entre linhas.

• Palavras-chave: o resumo deve ser seguido por mínimo de três (03) e máximo de cinco(05) palavras-chave, sendo a primeira ancorada na temática do respectivo GT, ou seja, a denominação do Grupo Temático de submissão e as demais especificando subáreas temáticas ou interfaces disciplinares.

• Texto: alinhamento justificado; fonte Times New Roman, tamanho 12; espaço entrelinhas de 1,5, margem superior/inferior e esquerda/direita 3 cm, de mínimo de 10 a máximo de 15 páginas, incluindo bibliografia.

• Referências: conforme norma da ABNT

O Artigo completo deve ter no mínimo dez (10) e no máximo quinze (15) páginas, incluindo todas suas partes componentes.  

Enviar o Artigo completo para o e-mail institucional do GT escolhido para submissão (ver a página dos Grupos Temáticos), obrigatoriamente em cópia ao endereço da diretoria científica da Alcar e coordenação científica nacional: [email protected]

Usar o arquivo modelo/template, disponível: 

Salvar em Word versão .doc e também em PDF, identificar o arquivo da seguinte forma: GTescolhido_ Nome(s) do(s) autor(es)_ALCAR 2023

Na submissão, os/as autores/as devem solicitar e aguardar resposta de confirmação do recebimento pela respectiva coordenação do GT. Na ausência de resposta em breve, recomenda-se fazer nova remessa, para evitar problemas de extravio.

Calendário de Submissões

Atenção para prazos e datas importantes:

Início das submissões – 15 de março

Prazo final das submissões – 15 de maio prorrogado até 19 de maio.

Aceites – até 12 de junho  prorrogado até 18 de junho.

Pagamento das inscrições (para garantir apresentação no evento e publicação nos anais) – até 03 de julho.

Prêmio José Marques de Melo de Estimulo a Memória da Mídia chega a sua sétima edição. A premiação bianual, que leva o nome de um dos mais importantes patronos dos estudos de Comunicação no Brasil, faz parte da programação do XIV Encontro Nacional de História da Mídia.

O Prêmio José Marques de Melo (PJMM) tem como objetivo incentivar as novas gerações a pesquisar os processos e as práticas comunicacionais a partir de um viés histórico. O Prêmio é mais uma das atividades promovidas pela Alcar para alcançar e estimular os alunos de graduação. Desde a sua criação a entidade tem procurado promover a integração dos novos pesquisadores com os de maior trajetória, reafirmando assim, o seu compromisso de acolher e estimular os estudos em história da mídia.

Podem concorrer ao prêmio trabalhos de graduandos ou recém graduados que tenham sido desenvolvidos após a última edição da premiação, junho de 2019. As pesquisas devem seguir o formato de artigo cientifico e precisam apresentar o resultado de: estudos de Iniciação Científica (IC); ou trabalhos de extensão; ou Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC); ou de ações desenvolvidas em disciplinas isoladas, sempre com a orientação de um professor.

Para participar do concurso cultural é necessário submeter o artigo seguindo as normas e os prazos estipulados na chamada de trabalhos do XIV Encontro Nacional de História da Mídia. Somente os trabalhos aprovados pelos coordenadores dos GT da Alcar estarão aptos a concorrer a premiação.

Os autores interessados precisam inserir uma nota de rodapé no titulo do artigo indicando: “Trabalho Concorrente ao 6º Prêmio José Marques de Melo de Estímulo à Memória da Mídia”. Também é necessário o envio de um documento comprobatório que ateste que a produção foi desenvolvida no âmbito da graduação. A declaração e o artigo também devem ser enviados para o e-mail: [email protected]

Normas

Artigo 1º – O Prêmio José Marques de Melo de Estímulo à Memória da Mídia, criado em 2010, é uma exposição de trabalhos científicos em nível de graduação e um concurso cultural vinculado ao Encontro Nacional de História da Mídia, evento que ocorre a cada dois anos no Brasil, promovido pela Alcar – Associação Nacional de Pesquisadores de História da Mídia.

1º – Esta ação leva o nome do professor José Marques de Melo, um expoente internacional em estudos da memória da Mídia brasileira bem como idealizador da Rede Alfredo de Carvalho (Alcar), organismo que deu origem à Associação e aos Encontros Nacionais.

2º – Entende-se por graduação exclusivamente os cursos de bacharelado e licenciatura, sendo vedada a participação de trabalhos oriundos de cursos de curta duração, sequenciais, de formação de tecnólogos e assemelhados.

Artigo 2º – O Prêmio almeja principalmente fomentar o desenvolvimento de projetos científicos, no âmbito dos cursos de graduação, que tenham ligações com a memória dos Meios de Comunicação no País, assim como eventuais relações com outros campos do conhecimento, como História, Letras, Educação, etc.

Da modalidade

Artigo 3º – As modalidades do Prêmio são:

I – Artigos apresentando resultados de pesquisas em nível de graduação, para estudos de Iniciação Científica (IC), trabalhos de extensão, Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) e/ou ações desenvolvidas em disciplinas isoladas, sempre com a orientação de um/a professor/a. Os trabalhos devem apresentar os resultados de pesquisas desenvolvidas após a última edição da premiação. Já o prazo máximo para a submissão de textos ao Prêmio é, automaticamente, o mesmo do envio de trabalhos aos GTs do Encontro da Alcar.

Das inscrições

Artigo 4º – Concorrerão trabalhos que tenham sido submetidos e selecionados para um dos GTs do Encontro Nacional: História do Jornalismo, , História da Mídia Alternativa, História das Mídias Audiovisuais, História da Mídia Digital, História da Mídia Impressa, História da Mídia Sonora, História da Mídia Visual, História da Publicidade e das Relações Públicas e Historiografia da Mídia.

1º – Os graduandos que submeterem trabalhos vinculados a programas de Iniciação Científica ou de Extensão deverão enviar, no ato da submissão ao Encontro, documento comprobatório de tal condição, expedido pela instituição em que estuda, no qual conste o nome do projeto e do/a orientador/a.

2º – Já os artigos resultantes de pesquisas de TCC e/ou de trabalhos realizados em disciplinas devem enviar declaração do professor da disciplina em que o material foi desenvolvido ou, no caso dos trabalhos de conclusão de curso (TCC), uma declaração do coordenador de TCC ou do coordenador de curso de que se trata de um artigo em versão final.

3º – Todos os trabalhos inscritos no Encontro e que desejem concorrer ao Prêmio deverão acrescentar, junto ao título do trabalho, uma nota de rodapé e esta deve conter a informação “Trabalho Concorrente ao Prêmio José Marques de Melo de Estímulo à Memória da Mídia” mais o ano em questão.

4º – Serão automaticamente desclassificados os trabalhos que apenas apresentarem o nome do aluno concorrente.

Como autores devem constar aluno/a e professor/a-orientador/a.

5º – Os artigos que forem concorrer ao Prêmio devem ser submetidos ao evento daquele ano, conforme as normas. Devem, ainda, ser enviados à coordenação do Prêmio no e-mail [email protected]

Da Seleção e do Julgamento

Artigo 5º – O processo de escolha dos vencedores ocorrerá em duas etapas. Primeiramente, cada coordenação de GT seleciona e indica a participar do Prêmio os dois (02) melhores trabalhos/artigos de estudantes de graduação apresentados no seu Grupo de Trabalho. Em seguida, os 18 trabalhados indicados pelas coordenações de GTs serão avaliados pelos membros da Diretoria da Associação Brasileira de Pesquisadores de História da Mídia (Alcar) ou por avaliadores/as indicados/as pela entidade. A avaliação deverá levar em consideração a contribuição da pesquisa para a História da Mídia, o conteúdo do trabalho, sua pertinência para os estudos da Comunicação e sua fundamentação.

1º – Não poderão ser indicados para o Prêmio trabalhos que tenham sido orientados ou coorientados por coordenadores dos GTs, membros da Diretoria da Alcar, coordenador do Prêmio José Marques de Melo de Estímulo à Memória da Mídia, coordenadores locais do evento nacional da Alcar.

2º – Serão desclassificados automaticamente os trabalhos que não forem apresentados no GT ou que forem apresentados pelos professores-orientadores.

Das Disposições Gerais

Artigo 6º – Eventuais casos omissos serão resolvidos pela Diretoria da entidade, ouvidos o(s) coordenador(es) de GT(s), quando for o caso. As decisões são irrecorríveis.